Alimentação e receitas

10 Pratos para aproveitar restos de refeições

Quem já me conhece, sabe sou mesmo uma croma do rédon lol. É um hábito. Acho que todos nos conseguimos habituar a aproveitar sempre os restos das refeições.Mas, para quem ainda não está no esquema, estes 10 pratos para aproveitar restos de reações, podem ser uma ajuda.

Antes de avançar, quero partilhar que fiz uma micro investigação sobre o caso “sobras vs restos”. Isto, para apurar se sou apenas uma saloiona, ou se estou mesmo errada ao usar a terminologia menos chique. Mas… não conclui nada!lol. Só percebi que, para algumas pessoas, “restos” é o que fica nos pratos e travessas que chegam a ir para a mesa, enquanto sobras é o que não chegou a ser servido. Como cá em casa não há tais questões, é tacho em cima da mesa para não sujar mais loiça, continuarei a usar a palavra restos. De qualquer forma, essa questão é totalmente supérflua, porque o que importa é evitar que comida boa seja desperdiçada. Sejam sobras, sejam restos, desde que não sejam lixo!

O desperdício alimentar

Depois de ver a reportagem na RTP1, sobre desperdício alimentar em Portugal (os números são uma loucura, especialmente, se nos lembrarmos que, segundo os últimos dados da ONU, 820 milhões de pessoas passam fome no mundo) achei oportuno fazer esta lista. Por isso, já quase na deadline a que me propus, aqui ficam 10 pratos que podem ser feitos com restos (de tudo).

Pratos para aproveitar restos de refeições

  1. Pizza | Cá em casa, fazemos a massa na bimby, mas pode ser feita à mão também. Também encontras massas de pizza já feita em quase todo o lado (nunca compro porque nunca vi sem embalagem de plástico). Dica extra: se fizeres a massa em casa, aproveita para fazer logo várias bases e congelar.
  2. Quiche | Se quiseres uma versão vegan, existem receitas com farinha de grão ou tofu em vez de ovo. A massa também faço em casa, às vezes na bimby, outras à mão.
  3. Lasanha | Adoro fazer com restos de legumes. A massa pode ser feita em casa, comprada fresca ou seca ( fácil de encontrar em embalagem de cartão) ou substituída por fatias de beringela ou curgete.
  4. Massa salteada (com restos) | Por ser bastante prático, é um dos pratos de aproveitamento que faço com mais frequência. É só cozer massa e saltear em azeite e alho com “o que há”. Como sou viciada neste “parmesão” adiciono quase sempre no fim.
  5. Roupa velha | Um clássico das casas portuguesas. Em casa dos meus pais era o prato que se seguia ao bacalhau cozinho, para acabar com eventuais restos. Na minha família sempre se fez com ovos mexidos, mas sei que noutras se faz com ovo cozido… Se quiseres veganizar, podes fazer com tofu ou com farinha de grão. A alma do prato são os coentros e/ou salsa frescos!
  6. Sopa | Ideal para aproveitar legumes e água de cozer outros alimentos.
  7. Tostas | Conhecidas por combaterem o desperdício de pão, também podem ser aliadas para evitar desperdício de outros alimentos, usando-os como recheio (inteiros ou em paté).
  8. Açorda e/ou migas | Tal como o anterior, para além de boas só para aproveitar pão, podem juntar-lhes outros alimentos que precisem de ser consumidos.
  9. Omelete | O recheio pode ser feito com qualquer alimento. Versão vegan com: farinha de grão, lentilhas ou tofu.
  10. Queques salgados/pães recheados | Não sou particularmente fã deste tipo de pratos, mas para quem gosta, são uma boa opção.

Desperdiçar não pode ser “o normal”

Para mim, não deixar que comida boa seja desperdiçada é algo completamente natural. Sempre foi assim, na casa dos meus pais. Lembro-me bem da célebre frase da minha mãe “estragar comida é que não vale”. Por isso, não tenho muita dificuldade em aproveitar qualquer coisa transformando-a num prato saboroso (aliás, tenho é dificuldade em seguir receitas lol). Acho que o principal é ser criativo e, se estiveres pouco à vontade, ir experimentando aos poucos. Às vezes, tenho grandes fails na cozinha, mas faz parte do processo, lá se adiciona um molhito para disfarçar ou qualquer coisa, faz parte. Estragar é que não vale!!

Se quiseres deixar mais sugestões, comenta! Quanto mais soluções conhecermos, mais fácil é aproveitar!

Nota: Eu sei que falar de comida sem fotos é um bocado arcaico, mas mudei de telemóvel e não tenho fotos nenhumas, de momento. Quando fizer algum dos pratos, adiciono. Sempre sem food styling, claro ahahah. Até lá, podes passar no instagram que vou sempre partilhando ideias :).

Um comentário

  • ridiota

    Houve uma era da nossa infância em que a mãe fazia arroz de restos. A torto e a direito. Foi uma era muito feliz da minha vida 🤣🤣🤣🤣🤣 #ricelover #riceaddicted #chinotuga

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *