Viagens

Kit zero waste de viagem (Tailândia)

Em casa, não tenho nenhum kit zero waste, preparado para sair. Normalmente, adapto conforme o que acho que vou precisar (depende de onde vou, o que vou fazer, etc.). Como, raramente, uso mala grande/mochila, as únicas coisas com que ando são: um guardanapo, uma garrafa de vidro reutilizada (daquela de compal) e, às vezes, um saco de pano dobradinho. Depois adapto: se for comer fora, levo um recipiente para se sobrar; se for a uma festa um copo (eventualmente, palhinha), talheres e caixa com tapa (que serve como prato ou tigela e no fim, tapo e lavo em casa); se for às compras, sacos e frascos; etc…

Em viagem é diferente. Para além de ser mais difícil prever o que vou fazer, nem sempre tenho acesso a recipientes, copos, etc. Por isso, tenho alguns essenciais que levo sempre, como as garrafas para água e recipiente para restos. Outros adaptei para esta viagem, em específico (levaria, este kit zero waste de viagem, para a maioria dos países asiáticos). No post que fiz no Instagram, incluo mais coisas. Algumas eram a contar com o meu namorado, mas aqui, irei apenas incluir o kit “individual”.

KIT ZERO WASTE DE VIAGEM (Tailândia)

— 2 garrafas de inox (1L+0,5L) : principalmente para água;

— Copo de plástico grande, de 500ml, com tampa(daqueles dos batidos da malta do gym lol): para bebidas, comprar alguma coisa a granel ou para encher com água;

— Copo pequeno de plástico com tampa : para café, alguma bebida, taça para overnighoats, transportar snacks, comprar alguma coisa a granel;

—recipiente dobrável de plástico* (faz de prato ou taça):essencialmente, para street food ou restos (andava comigo sempre);

—Talheres: colher medidora de plástico (1 lado sobremesa, outro café +/-), faca e garfo de plástico de criança, pauzinhos de bambu e palhinha de inox;

— Guardanapo de pano + lenço de pano: para usar como guardanapo, para receber comida de mão na rua.Eventualmente, para usar transportar alguma coisa (embrulhando).

Tudo o que levei neste kit, já tinha em casa. Não comprei nada, especificamente, para este efeito. Na verdade, parte das coisas, nem foram compradas por mim: o copo grande deram-me pelo freecycle; os talheres de plástico e copo pequeno vieram dos sobrinhos; o guardanapo e lenço foi resgatado de casa da minha mãe; e o recipiente dobrável, foi cedido pela minha irmã, pois tinha a mais.

Isto tudo, para concluir que, ao contrário do que algumas pessoas pensam, na maioria das vezes, temos, em casa, tudo o que é necessário para evitar plástico/descartáveis na rua. Não é preciso comprar coisas NOVAS, especificamente para esse efeito, se já temos outras que servem. Caso venha a precisar de substituir, algum destes objetos, irei optar por outros materiais (inox provavelmente, à exceção dos talheres para viajar), mas, até lá, irei usar o que tenho mesmo que seja em plástico*.

*já referi no Instagram que utilizo os poucos recipientes de plástico, que ainda tenho, para este tipo de situações (acampar, viagens, praia, etc) por serem mais leves do que os de vidro. Para quem não quer mesmo usar plástico, sugiro que doe ou venda os recipientes que tenha, NÃO MANDES PARA O LIXO se ainda estão bons para usar!!

Mais artigos sobre esta viagem: Como beber água potável sem plástico na Tailândia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *