Alimentação e receitas

Croquetes de tremoço e grão

Receita de deliciosos croquetes vegan de tremoço e gão.

Vergonhosamente, tinha um frasco de tremoço (bastante) fora da validade, para gastar e, primeiro, pensei em fazer “queijo” de tremoço. Mas, rapidamente desisti, pois ainda há bastante queijo (animal) cá em casa, que nos ofereceram no Natal, por isso, não fazia muito sentido. Lembrei-me que era capaz de ser interessante usá-los para fazer hambúrgueres, mas, tenho de ser realista, e admitir que não é a minha praia. Há anos que tento fazer hambúrgueres vegetais em casa e nunca ficam bons, às vezes, ficam comestíveis… Entretanto, lembrei-me dos maravilhosos pastéis sem bacalhau do restaurante Ao 26 Vegan Food Project e fiz uma pesquisa no google por “salgados de tremoço”, que me levou aos croquetes de tremoço, que me levaram a esta receita, deste blog que adorei.

A receita que se segue é uma “bimbyzação” da receita da Aprendiz Vegana e adaptação ao que tinha em casa. Como não tinha farinha em casa, usei duas bolinhas de pão de mistura, que tinha congelado já duras para aproveitar depois.

A receita rendeu estas bolinhas, serve 4 pessoas, com salada como acompanhamento. Ou mais, se forem acompanhadas com arroz e salada, por exemplo.

Croquetes de tremoço e grão (vegan)

Ingredientes:

  • 1 Chávena de tremoço descascado (e demolhado por umas horas para tirar algum sal)
  • 1 Chávena de grão cozido
  • 1 Cebola grande
  • 3 dentes de alho
  • 2 bolas de pão (ou 4 fatias)
  • 1 colher de sopa de chia + 3 de água
  • Coentros e/ou salsa (usei a gosto)
  • Pimenta-preta
  • Noz-moscada
  • Azeite
  • Pão ralado
  • Amido de milho diluído em água

Como fiz (bimby):

Comecei por juntar a colher de chia com 3 colheres de sopa de água (substitui o ovo) e fui adiantando o restante, enquanto hidratava. Piquei o alho e a cebola na bimby, em seguida, acrescentei azeite (generosamente) e salteei 4 min, velocidade 1, temp Varoma. Acrescentei o pão cortado em pedaços e triturei tudo a velocidade alta (ou turbo) até ficar “ralado”. Juntei os tremoços, grão, chia com água e bati tudo (gradualmente da velocidade 5 até 10) até ficar uma massa consistente. Provei e acrescentei coentros e/ou salsa picados a gosto + pimenta-preta, noz-moscada (usei essas especiarias, mas podes usar as que gostares) – e envolvi ( Vel3/4). Moldei em bolinhas, passei pela água com amido, e, em seguida, pelo pão ralado. Fritei, mas penso que também dá para assar no forno (ainda não experimentei).

Se não tiverem bimby, basta fazer o refogado no fogão e misturar tudo no liquidificador/picadora.

Não congelei, mas acho que dá para fazê-lo para fritar depois. Na próxima, vou experimentar. Se congelares, conta-me como correu!

O pão ralado (pode ser feito em casa) e o amido de milho foram patrocinados pela dispensa da vizinha. O tremoço comprei em frasco (mas encontra-se facilmente a granel). O azeite compro em garrafão de 5 litros de plástico (Fail!). Os restantes ingredientes foram comprados sem embalagem e/ou nos meus recipientes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *